Autoridades na Maçonaria Brasileira.
Documentos.
De uso.
Padres que foram maçons.
 

Não ha muito foi publicada a seguinte lista incompleta de padres-maçons brasileiros, em um jornal de Pernambuco, lista que aqui transcrevemos para perpetuação da memória dos que se não julgaram indignos com os vilipendios que ainda hoje lhe são atirados;

Bispo Azeredo Coutinho 33.`. (Escritor português prelado de Pernambuco.)
Bispo Conde de Irajá 33.`. (Sagrador, coroador e celebrante do casamento de Dom Pedro II.)
Conego Dr. João Carlos Monteiro 3.`.
Conego Francisco L. de Brito Medeiros Campos 3.`.
Conego Ismael de Senna Ribeiro Nery 18.`.
Frei Antonio do Monte Carmelo 18.`.
Frei Candido de Santa Isabel Cunha 18.`.
Frei Carlos das Mercês Michelli 7.`.
Frei Francisco de Monte Alverne 33.`. (Maior pregador do século XIX.)
Frei Francisco de Santa Thereza Sampaio 7.`. (Grande polemista)
Frei Francisco de São Carlos 33.`.
Frei Joaquim do Amor Divino Caneca 7.`.
Frei Norberto da Purificação Paiva 33.`.
Monsenhor Pinto de Campos .`. (Escritor pernambucano.)
Padre Albino de Carvalho Lessa 3.`.
Padre Antonio Alvares Guedes Vaz 18.`.
Padre Antonio Arêas 3.`.
Padre Antonio da Immaculada Conceição 3.`.
Padre Antonio João Lessa 7.`.
Padre Auliciano Pereira de Lyra 33.`.
Padre Bartholomeu da Rocha Fagundes 30.`.
Padre Candido Ferreira da Cunha 33.`. ( 1º Presidente da Constituinte do Brasil.)
Padre Diogo Feijó 33.`. ( Regente do Brasil, na menoridade de D. Pedro II.)
Padre Ernesto Ferreira da Cunha 17.`.
Padre Francisco João de Arruda 3.`.
Padre Francisco José de Azevedo 18.`. (Inventor da primeira maquina de escrever.)
Padre Francisco Marcondes do Amaral 3.`.
Padre Francisco Peixoto Levante 15.`.
Padre Guilherme Cypriano Ribeiro 3.`.
Padre Januário da Cunha Barbosa 7.`. ( Orador sacro, fundador do Instituto Histórico Brasileiro. )
Padre João da Costa Pereira 3.`.
Padre João José Rodrigues de Carvalho Celeste 7.`.
Padre Joaquim Ferreira da Cruz Belmonte 33.`.
Padre José Capistrano de Mendonça 30.`.
Padre José da Silva Figueiredo Caramurú 32.`.
Padre José Luiz Gomes de Menezes 33.`.
Padre José Roberto da Silva 3.`.
Padre José Sebastião Moreira Maia 3.`.
Padre Lourenço de Albuquerque Loyola 3.´.
Padre Manoel Cavalcante de Assis Bezerra de Menezes 3.´.
Padre Manoel Telles Ferreira Pita 7.´.
Padre Paulo de Maia 3.´.
Padre Thomaz dos Santos Mariano Marques 3.´.
Padre Torquato Antonio de Souza 3.´.
Padre Vicente Ferreira Alves do Rosário 33.´.
Vigário Eutychio Pereira da Costa 33.´. ( Deleg. do Grão Mestre no Pará em 1.877 - Bol G.O.B. 1.918 pág. 1.123.)
(Garantimos a autenticidade dos presentes nomes, pois se acham registrados na Grande Secretaria Geral da Ordem no Rio de Janeiro - Do Popular ( Victoria, de 16 de Maio de 1.908.)

Padre Vicente Gaudinieri ( Iniciado na Loja Modestia nº 0214, em Morretes, transferido para Palmeira-PR, onde, por coincidência em 1º/02/1.898 foi fundada a Loja Conceição Palmeirense, a qual mais tarde, mudou o nome para Loja Moria. Participou como fundador da Loja Luz Invisível, está registrado no Livro de Obreiros nº 1, na página nº 23.)


Padre Guilherme Dias ( A Loja Luz Invisível nº 33 - Curitiba, possue correspondência deste irmão, quando passou a residir na cidade de Ponta Grossa.)

Bispo Claudio, nome de batismo: Claudemir Pereira do Nascimento ( Dom Claudio de Deus ) - Iniciado em 15/05/1975, na ARLS BEITH-EL nº 1.788, subordinada ao Gr.·. Or.·. SP, posteriormente por solicitação do Grão Mestre, filiou-se na ARLS RETIDAO E PRUDENCIA nº 2.143, onde ocupou diversos cargos, inclusive o de V.·.M.·.. Em 1996, recebeu o Grau 33. Foi condecorado com o título de Cavaleiro Benfeitor da Cidade Santa, o qual recebeu em Barcelona, Espanha através do Grande Prior de Portugal. - Continua ativo na ARLS JEAN BAPTISTE WILLERMOZ 626, juridicionada a GLSP, onde, tambem exerceu o cargo de V.·.M.·.. Filiado à ARLS VALE DO NILO n° 23 - em Japeri, Estado do Rio de Janeiro, sob auspícios da GLMERJ em 15 de dezembro de 2.010. Membro ativo do Corpo Filosófico OLIDIO SAMPAIO COELHO, em Japeri, RJ.

Bispo Boanerges Waldemar Bueno, nome de batismo: Waldemar Martins Bueno de Oliveira ( Dom Boanerges Waldemar Bueno ) - Iniciado em 29/09/1986, na Loja Marques do Herval nº 114 - Osasco-SP, subordinada a Grande Loja do Estado de São Paulo. Participou como Fundador das Lojas: União e Lealdade nº 547; Jean Baptiste Willermoz nº 626; ainda, do Grande Capítulo dos Maçons do Santo Real Arco de Jerusalém do Estado de São Paulo; do Grande Priorato Soberano do Brasil das Ordens do Templo (Ordem do Templo - Atual Grande Registrador), Armado Cavaleiro Templário na Preceptoria Dom Diniz Nº. 17 jurisdicionada ao Grande Priorardo Templário de Espanha. Ainda, participou como fundador: Grande Loja dos Maçons da Marca do Estado de São Paulo ( Atual Grande Capelão ).
Membro (Fundador) do Grande Priorato do Brasil da Ordem dos Cavaleiros Benfeitores da Cidade Santa. Membro ativo do The Gran College Of The Royal Arch Knight Templar Priest Of Order Wisdon ( Inglaterra ) Tabernáculo Novo Mundo Nº. 227 - ( Atual I Pillar ). No dia 19/09/2012, recebeu o Grau Vº da ordem dos Maçons Operativos (Inglaterra) (Rough Masons, Wallers, Slaters, Paviors, Plaisterers and Bricklayers ). The Worshipful Society Of Free Masons - South America - Brazil. Lodge Of menatzchim or Super Intendent Vº. Ordenação na Ordem da Sagrada Sabedoria, ordem vinculada à Grande Loja Unida da Inglaterra e, é uma Ordem Interna dos Sacerdotes Templários.

 

Pesquisa realizada por: Hiran Luiz Zoccoli